Artigo - Qual programa você usou?

Perguntas que não fazem sentido:

Perguntar para um excelente fotógrafo qual câmera ele usa.

Ou perguntar para um escritor qual programa que ele usou para escrever aquele best seller.

Ou perguntar qual programa a pessoa usou pra mixar a música.

Essas perguntas não fazem sentido, pois a qualidade do trabalho está na criatividade de cada um.

Perguntar para um engenheiro de som qual programa ele usa pra mixar, achando que isso o tornará um melhor mixer é irrelevante.

Mas qual programa usar?

A melhor resposta é, "O programa que você sabe mexer".

Não existe maior verdade do que essa.

Claro que existem programas variados com diferentes contextos e objetivos. Então aqui vai meu ponto de vista de cada um dos famosos "DAWs" (Digital Audio Workstation).

Se você está começando e seu objetivo é trabalhar em um grande estúdio profissional, o Pro Tools é o programa que você precisa aprender. Ele é o programa padrão dos grandes estúdios de gravação profissional. Você vai começar de baixo e vai ter que saber editar as tracks e organizar o projeto para quem vai mixar a música. Então recomendo, mesmo não gostando de Pro Tools, aprender um pouco o básico do programa e como ele funciona. Desde organização de tracks, uso dos Buses, sends e atalhos para edição de áudio. (Essa parte técnica vou deixar para um outro post)

Se você vai apenas trabalhar gravando suas coisas ou produzindo e gravando artistas no seu home estúdio, recomendo, QUALQUER UM. :)

Cada DAW tem sua vantagem e desvantagem, mas uma coisa posso afirmar. Nenhum DAW faz as mixes soarem melhor.

O DAW mais importante você já tem. Seu ouvido.

Vocês podem ver um meme com o que o seu DAW diz sobre você (contém humor). Hahahaha

Brincadeiras de lado, cada DAW é famoso por ser "melhor" em alguma coisa.

Muita gente gosta de usar ao vivo e para música eletrônica o Ableton Live.

Muitos rappers e artistas de hip hop usam Logic Pro X por já conter uma livraria imensa de samplers e loops.

Muita gente anda usando Fruit Loops pra criar Trap no iPad.

O Reaper é um ótimo DAW com tudo que você precisa, mas com preço maravilhoso. É o mais barato de todos.

Cubase é ótimo para edição e organização.

E por aí vai.

Eu particularmente uso o Logic Pro X. Talvez por usar Mac há mais de 15 anos e gostar da interface limpa e organizada. Eu gosto da livraria de samplers e loops, que me ajudam muito nas minhas composições e criações. Em 15 minutos já tenho uma estrutura feita com os loops do Logic. Além do Logic ser ótimo de se trabalhar com edição de MIDI. Coisa que o Pro Tools é mais chato.

Mas o Cubase e Pro Tools são mais fáceis de editar tracks, mas tudo depende do seu workflow.

O importante é esquecer tudo que to escrevendo aqui e focar no mais importante.

Buscar a emoção perfeita para a música e descobrir o DAW que você se adapta melhor.

Uma boa mix não depende de programa. Depende da emoção que a música quer passar.

Mas me contem. Qual DAW vocês usam ou gostariam de usar?

Até a próxima. :)